PT / ENG

Projectos

Sul

Julho de 2013. O calor abate-se sobre Lisboa, espesso e paralisante.
Um inspector da Polícia Judiciária, niilista e socialmente incapaz, investiga o aparecimento do cadáver de uma mulher no cais da Rocha Conde de Óbidos. Enquanto a investigação decorre, um país angustiado por uma forte crise económica e social, agita-se. Vítor Gaspar demite-se, Portas anuncia uma saída ‘irrevogável’. Dos centros de emprego repletos de gente e leilões de imóveis penhorados à Quinta Patino, a investigação  conduz-nos numa viagem alucinada às igrejas evangelistas da grande Lisboa, aos escritórios de advogados influentes, ao poder político, a bancos falidos e branqueamento de capitais.

Realização - Ivo M. Ferreira